56847

PF indicia 20 pessoas por suspeita de tráfico internacional de drogas

Vinte pessoas foram indiciadas pela Polícia Federal por suspeita de tráfico internacional e associação para o tráfico de drogas com a conclusão do inquérito relacionado à Operação Touro Branco, deflagrada em outubro em cinco estados brasileiros. No dia da operação, 16 pessoas foram detidas em cumprimentos a mandados de prisão. A investigação também resultou na apreensão de seis aeronaves que pertenciam à organização criminosa.

A Polícia Federal investigou durante cerca de um ano e meio o tráfico de drogas na fronteira de Mato Grosso com a Bolívia. Segundo a assessoria da PF, a droga entrava no país por meio de pequenos aviões. O material ficava escondido em fazendas na zona rural e depois era distribuída para outros estados.

Durante a operação foram detidas pessoas em 10 cidades mato-grossenses: Cuiabá, Cáceres, Mirassol d'Oeste, São José dos Quatro Marcos, Araputanga, Sapezal, Colíder, Sinop, Sapezal e Rondonópolis. Também houve prisões em Luziânia (GO), Apodi (RN), Santarém (PA), Paragominas (PA), Belém (PA) e Lavínia (SP).

Touro Branco
O nome da operação, de acordo com a Polícia Federal, foi definido porque os traficantes investigados usavam o termo “touro branco” durante as negociações envolvendo o tráfico de drogas. Eles simulavam estar comprando e vendendo gado para tentar despistar a polícia em possíveis interceptações telefônicas.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email