30378

Parlamentares dormem do plenário após horas de sessão para votar MP

Após 41 horas em dois dias de longas sessões, a votação da MP dos Portos foi aprovada pela Câmara dos Deputados com direito a muito cansaço. Alguns parlamentares não aguentaram as longas horas até que a decisão saísse, e foram vistos cochilando no plenário ou em salas de suas imediações.A sessão para votação da MP dos Portos foi iniciada por volta das 11h da terça-feira (14). Na madrugada desta quinta, após a votação de todos os destaques, muitos deputados foram embora acreditando que a votação havia acabado, mas faltava a apreciação da redação final do texto. A sessão aberta às 2h19 arrastou-se até as 7h19 sem atingir quórum suficiente _257 deputados. Por volta das 8h, a sessão atingiu o quórum e com 353 deputados a MP dos Portos foi aprovada às 9h43.

Após a aprovação pelos deputados, a medida provisória, que pretende ampliar investimentos e modernizar o setor portuário no país, segue para votação no Senado. Se não for aprovada pelo senadores até a meia-noite desta quinta, a MP perde a validade.

Se ela, de fato, perder a validade, caberá ao governo editar uma nova medida provisória sobre o assunto ou editar um decreto com normas para a área dos portos.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email