62331

Dólar muda de direção e passa a subir ante o real com fluxos de saída

Depois de abrir os negócios desta segunda-feira (30) operando em queda, o dólar comercial mudou de direção e passou a subir ante o real, mesmo após a formação da Ptax do ano, em meio a fluxos de saída de divisas num cenário de baixa liquidez devido às festas de fim de ano.

Perto das 14h30, a moeda norte-americana avançava 0,85%, para R$ 2,3593 na venda, após bater R$ 2,3268 na mínima do dia.. Veja cotação

Contribuiu para a alta do dólar a disputa entre comprados e vendidos antes da formação da Ptax do ano – taxa calculada diariamente pelo Banco Central que serve de referência para diversos contratos. Operadores costumeiramente brigam para influenciar a taxa de forma a favorecer suas posições, destaca a agência Reuters.

Segundo analistas, a expectativa era de que a disputa pela formação da Ptax puxasse a cotação para baixo. No entanto, fluxos de saída de divisas levaram o dólar a subir, surpreendendo investidores e exacerbando os ganhos da moeda norte-americana.

A Ptax fechou a R$ 2,3426 na venda, informou o BC.

IOF
Mais cedo, a moeda norte-americana chegou a operar em queda, reagindo à redução do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF) incidente sobre algumas formas de pagamento em moeda estrangeira, anunciada na sexta-feira após o fechamento dos mercados.

Segundo analistas, a medida tende a diminuir um pouco o fluxo de saída de divisas, uma vez que encarece viagens ao exterior. Contudo, a expectativa já era de que a influência sobre as cotações do dólar seria comedida.

“Não vejo um impacto muito relevante dessa medida, nada muito duradouro”, disse o estrategista-chefe do Banco Mizuho, Luciano Rostagno.

A valorização do dólar acontece a despeito da constante atuação do BC no câmbio. Nesta sessão, a autoridade monetária deu continuidade ao programa de intervenções diárias com oferta de 10 mil contratos de swap cambial tradicional – equivalente à venda futura de dólares. O BC vendeu o lote total, colocando 3,6 mil swaps com vencimento em 5 de março de 2014 e 6,4 mil com vencimento em 1º de julho de 2014. A operação teve volume financeiro equivalente a US$ 497 milhões.

Na sexta-feira, a moeda dos Estados Unidos fechou em queda de 0,67%, a R$ 2,3395 na venda.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email