44211

Com câncer, deputado de MT aguarda parecer médico para decidir renúncia

O deputado federal Homero Pereira (PSD-MT), licenciado da Câmara do Deputados desde fevereiro deste ano, deve decidir na próxima semana, após um parecer médico, se renuncia ou não ao cargo. Ele passa por sessões de quimioterapia em São Paulo devido à retirada do estômago por conta de um tumor no órgão. Conforme informou a assessoria do parlamentar, o deputado não pretende renovar o licenciamento, que termina no dia 31 de outubro.

Homero descobriu em fevereiro deste ano a existência de um tumor no estômago durante um exame médico de rotina. Desde então, essa é a terceira vez que o deputado renova o licenciamento para a realização de sessões de quimioterapia, no Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo. Em junho, ele passou por uma cirurgia de retirada total do órgão. Agora, as funções do órgão serão desempenhadas com parte reconstruída do tecido do duodeno (que se localiza logo abaixo do estômago, ligando-o ao intestino).

Esta não é a primeira vez que ele enfrenta a doença. Há cerca de 20 anos, ele já havia se submetido a um tratamento de câncer na garganta. A assessoria de imprensa do parlamentar informou que, somente na próxima semana, Homero deve decidir se deixará o cargo, quando médico que o acompanha no tratamento deverá emitir um diagnóstico sobre a evolução do quadro do paciente.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email