36168

Com 8.8ºC, Cuiabá tem a madrugada mais fria dos últimos quatro anos

Cuiabá registrou o dia mais frio dos últimos quatro anos nesta terça-feira (23), com os termômetros marcando 8.8ºC durante a madrugada, de acordo com dados do 9° Distrito de Meteorologia de Mato Grosso. A queda na temperatura no estado é devido a uma massa de ar frio com características polares que veio do sul do país, em um fenômeno conhecido como friagem.

Conforme o Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (CPTEC/Inpe), a sensação térmica chegou a 1ºC na capital do estado. Os cuiabanos acostumados com temperaturas acima dos 30ºC tiveram que enfrentar o tempo frio com garoa pela manhã.

Segundo o meteorologista Waldilson Fidélis, do 9º Distrito, a temperatura de 8.8º C foi registrada por volta de 3h [horário de Mato Grosso] em Cuiabá e Várzea Grande, região metropolitana da capital. “Podemos considerar que foi o dia mais frio dos últimos quatro anos. Apesar que esse fenômeno [massa de ar frio] vai continuar pelo menos até quinta-feira (25). Mas é passageira por Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Rondonônia e segue para a região amazônica”, disse ao G1.

A temperatura mais fria registrada em Mato Grosso foi na Serra de São Vicente, entre Cuiabá e Jaciara. Conforme o 9º Distrito, foi registrada a temperatura de 5.3º C às 3h desta terça-feira [horário de Mato Grosso]. Nas cidades próximas da capital a temperatura também ficou em torno dos 9º C: Santo Antônio de Leverger, Rondonópolis e Várzea Grande.

Com tempo nublado e sem previsão de sol, a terça deve ter uma temperatura que chega até os 20ºC. Na quarta-feira (24) a máxima deve ser de 21º C e a mínima de 11.2º C. A previsão é que na quinta-feira o tempo volte a estabilizar em Mato Grosso, com máxima de 29ºC e mínima de 10ºC.

Compartilhe

Compartilhar no facebook
Compartilhar no google
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no pinterest
Compartilhar no print
Compartilhar no email